Os cães e gatos sentem prazer no ato sexual?

Os cães e gatos sentem prazer no ato sexual

A necessidade sexual dos cães e gatos é tão fundamental quanto a alimentação, pois é através desse ato que eles mantem a sobrevivência das espécies. Alguns machos deixam de comer e até chegam a arriscar sua própria vida, quando se deparam com uma fêmea no cio, para poder acasalar. Pois, para eles, de nada adiantaria a sobrevivência se não pudessem passar os seus genes em diante.

Por esse motivo, não deveríamos ver o desespero pelo ato sexual dos animais domésticos como algo estranho ou vergonhoso. Mas, afinal de contas, será que os cães e gatos sentem prazer no sexo? Neste artigo, revelarei algumas curiosidades sobre a vida sexual dos pets e a verdade sobre o sexo dos cães e gatos, para que você saber ainda mais sobre a vida dos peludos.

 

Sexo Dos Cães E Gatos: Eles Sentem Prazer?

Os machos com certeza SIM. Porém,  as fêmeas,  ainda não temos esta resposta.  Embora aparentam sentir dor no momento do ato sexual, a ciência ainda não comprovou se elas sentem prazer ou dor neste momento.

Por questões naturais, as fêmeas – diferente dos machos que estão sempre prontos para cruzar – só aceitam acasalar quando estão no estado de reprodução, pois é nesse período que os hormônios fazem a libido aumentar e elas ficarem com mais disposição para cruzar.

 

Hábitos que remetem a sexualidade

Muitos tutores não sabem lidar com naturalidade quando veem seu pet tendo alguma atitude que remete a sexualidade e acabam ficando perdidos, sem saber o que fazer, achando que o animal é “tarado” ou tem algum problema. A verdade é que nenhum animal é “tarado” e isso é extremamente normal.

O ato de subir um em cima do outro animal, seja do mesmo gênero ou não, como se fossem cruzar, e que acaba deixando as pessoas envergonhadas, nada mais é do que uma forma de brincar ou uma expressão, particular deles, de mostrar quem é mais dominante. Exatamente por isso que, em alguns casos, eles se estranham e acabam brigando, pois ninguém gosta de ficar na posição de submisso.

Outro habito que os peludos costumam ter, e geralmente, os donos não sabem como lidar, é o de agarrar pernas e braços como se fossem copular com um parceiro animal. É com esses atos e brincadeiras que os cães e gatos aprendem a por em pratica os comportamentos que são importantes para a sobrevivência deles.

Já são conhecidos históricos de cães que tinham problema em procriar, por terem sido separados muito cedo da mãe ou outros seres da mesma espécie. Portanto, muitos começam ainda filhotes e permanecem com essas brincadeiras até o fim da vida.

Com alguns treinos de adestramento é possível deixar o animal mais educado e com menos “atitudes desagradáveis” com os seus donos e as visitas, mas vale lembrar que o animal continuará tendo os instintos da sua espécie, ou seja, de cão ou gato, por mais adestrado que ele seja.

Caso você deseja diminuir ou inibir o apetite sexual do seu pet, o procedimento mais adequado é a castração. Sendo um procedimento cirúrgico realizado pelo veterinário que vai diminuir o libido dos animais – onde as fêmeas não entram mais no cio e os machos perdem aquela euforia de sempre querer cruzar – que inclusive tem muitas comprovações cientificas relatando os benefícios da castração para melhorar a qualidade de vida dos peludos.

Se quiser saber mais sobre castração, leia este artigo:  Vantagens E Desvantagens Da Castração Eletiva Em Cães E Gatos

 

Fontes:

http://caocidadao.com.br/dicas/brincadeiras-e-treinos-sexuais-dos-cachorros/

http://caocidadao.com.br/dicas/vida-sexual-dos-gatos/

Clínica Veterinária 24h Zona Oeste

http://revistameupet.uol.com.br/comportamento/caes-sentem-prazer-na-hora-do-sexo-descubra/4252/

Recomendado para você:

Comentários

comentários

One comment

Add Comment

Required fields are marked *. Your email address will not be published.